Aprenda a lavar o carro

Todo mundo sabe que o brasileiro é apaixonado por carros, mas nem sempre o tamanho da paixão é o suficiente para que as pessoas tomem todos os cuidados necessários com limpeza e manutenção do veículo. Resultado: milhares de carros sujos circulando pela cidade.

 

E engana-se quem pensa que limpar o carro é uma questão meramente estética. Certos tipos de sujeira podem acabar com a lataria, causando um enorme prejuízo. A limpeza interna do veículo também é essencial, já que ninguém deseja andar em carro bagunçado, molhado e sujo, certo?

 

Por isso, separamos algumas dicas sobre os cuidados que você pode ter com seu carro para mantê-lo sempre limpo e arejado. Veja:

 

empresa que lava carro Onde levar para lavar?

Essa é uma dúvida comum entre muitos motoristas: onde mando lavar meu carro? É um erro achar que isso pode ser feito em qualquer lugar, por isso fique de olho do estabelecimento. Averigue se o espaço onde ocorre as lavagens é coberto, já que lavar o veículo debaixo do sol pode fazer com que o detergente seque mais rápido e queime a lataria do carro, manchando-o permanentemente.

 

Outra coisa: dê uma olhada nos “apetrechos” usados para fazer a lavagem. Panos muito sujos ou utensílios não muito novos podem riscar os carros. Além disso, cuidado com a famosa “lavagem com cera”. Dependendo do material que for usado,  seu veículo pode ficar “ensebado”.

 

Por fim, veja qual é o cuidado com a lavagem interna. Não é muito interessante seu carro ficar um brinco por fora e inabitável por dentro. Por isso, verifique se há uma boa aspiração e qual a forma de limpeza dos bancos. Panos molhados/encharcados podem deixar o carro com um cheiro de “cachorro molhado” que é quase impossível de tirar!

 

Llavar o carro em casaavagem em casa: passo a passo

Pegue aquele dia ensolarado, aquele domingão bonito, coloque o carro – na garagem, lembre-se – e inspire-se para dar uma geral nele! Primeira coisa a fazer: separe um pano úmido, sabão neutro, um balde com água e vamos à lavagem!

 

– Interior:

 

Passo 1: Nunca jogue água nos painéis. Isso pode acabar com o material do qual ele é feito. Use um pano úmido e tire o pó que fica depositado nesta superfície.

 

Passo 2: Para tapetes de borracha, não há segredo: pegue um balde com água e sabão e jogue sobre eles. Depois, os esfregue e coloque no sol.

 

Passo 3: Os vidros internos podem ser limpos com qualquer limpa-vidros vendido no supermercado. Esse procedimento é suficiente para tirar o suor e a gordura que se acumulam nestes locais. Já nos externos, procure por produtos especializados no mercado, uma vez que o foco aí é a impermeabilização.

 

Passo 4:  Se o estofamento for de tecido, como já dito, tome muito cuidado com a utilização de água. No máximo, um paninho úmido para tirar o pó. Se preferir, opte pela impermeabilização. Existem concessionárias e empresas que fazem um trabalho bem bacana que compensa, principalmente, para quem tem criança. Agora, se o banco for de couro, procure por produtos especializados para que a limpeza seja efetuada. Não se esqueça de hidratar os bancos pelo menos uma vez ao ano, já que o couro tende a ressecar e rachar.

 

Passo 5: Para limpeza dos compartimentos internos do carro – porta-copos, volante, porta-luvas, etc – há duas opções: use um paninho úmido ou um bom aspirador de pó, que deixa tudo brilhando.

 

– Exterior:

 

Passo 1: Por incrível que pareça, limpar o carro por fora é mais fácil do que limpá-lo por dentro. Pegue sabão neutro e um balde com água. Pegue um pano macio e “ esfregue” delicadamente. Depois, jogue água no carro e pegue um outro pano macio para enxugá-lo.

 

Passo 2:  O “gran finale” de qualquer carro são as rodas e os pneus. Mas, atenção: o pano que você usou para limpar o carro não poderá ser usado para limpar as rodas e vice-versa. Para limpar o pneu, utilize uma escovinha e sabão. Na calota, o ideal é usar um pincel ou escova com cerdas macias para não arranhar. E se você deseja dar aquele brilho especial nos pneus, existem produtos conhecidos como ‘pretinho’. Na falta do produto, aí vai uma receita caseira que vale a pena anotar: misture glicerina (100 ml), álcool (50 ml) e água (50 ml). Passe no pneu com o auxílio de um pincel e veja como os seus pneus ficarão ótimos.

 

Bônus: Saiba como tirar aquelas sujeirinhas chatas!

 

Todo mundo já se deparou com uma situação em que cai alguma coisa no carro que é difícil de tirar. Abaixo, algumas das manchas mais comuns – e que também dão mais dor de cabeça.

 

Chiclete: atire a primeira pedra quem nunca ficou desesperado com um chiclete que gruda nas coisas! Mas, calma: coloque uma pedrinha de gelo e o remova após o endurecimento da massa que dá tudo certo.

 

Balas e doces: é só aplicar glicerina, seguida pela receita doméstica* e enxugar.

 

Batom: retire o excesso com espátula e depois passe um pano umedecido com benzina.

 

Lama: aplique sabão neutro. Depois, use água morna e enxugar.

 

Óleos, graxa e gorduras: passe um pano com benzina e, depois, outro com água.

 

*Receita doméstica. Dica de ouro!

 

Essa receitinha simples pode ser de uma ajuda imensa quando o assunto é limpeza. Pegue um litro de água morna, uma colher de sopa de vinagre branco e sabão neutro . Isso pode auxiliar demais na remoção de manchas.

 

Com todas essas dicas não tem porque você deixar o seu carro sujo, não é mesmo? Então vamos lá, mão na massa!